domingo, 27 de fevereiro de 2011

Banda PMPI e o Conjunto "Os Milionários"

Banda PMPI / 1962
  • As dificuldades de acesso existente até o inicio dos anos 70 do sec. XX, aos mais distantes municípios do Piauí a parti da capital, fizeram com que a banda de música da Policia Militar do Piauí fosse ao longo de muitos anos a única forma de cultura estatal que se fazia presente nesses municipios.

Pesquisando a história da Banda de Música da Policia Militar do Piauí, percebe-se que desde sua criação em 1875 até 1971 (antes da modernização do estado pelo governo Alberto Silva), que a mesma, exercia um papel papel politico cultural que estrapolava as atribuições de uma banda de música de concerto e desfile. A mesma atuava como uma espeicie de centro de difusão da cultura musical no estado.

Para entender melhor o papel exercido pela "Banda PMPI" na época em questão, é necessario que se faça algumas considerações sobre aquele momento hitórico:

  • Não existia naquela época no estado um orgão que fizesse as vezes de uma Secretaria de Cultura;
  • A banda não exercia apenas sua atividade fim (tocar em solenidades), também fazia um trabalho de educação musical formando seus musicos através de sua propria escola de música;
  • Por ser a única referência musical ligada ao gorveno do Piauí seus mestres eram constantemente deslocados para vários municipios a fim de formarem bandas, como por exemplo: o mestre Sebastião Simplicio nas cidades de Valença - Pi e União - Pi; o mestre Pigoreiro nas cidades de Amarante e Piripiri; e o mestre Luiz Santos na cidade de José de Freitas, dentre outros.

A Banda PMPI além de atender as funções oficiais junto ao cerimonial militar da PMPI, atender ao cerimonial do governo do Estado do Piauí e atender a comunidade em geral, atendia ainda uma extensa agenda de apresentações musicais junto aos municipios, pricipalmente nos periodos das festividades religiosas.

Para atender a demanda de solicitações da época, a Banda PMPI mantinha varias formações musicais em seus quandros, como: as bandas de música, os jazz-band, os conjuntos musicais e até uma orquestra de cordas no inicio do sec. XX como nos aponta algumas fontes escritas dos anos 20.

  • Até o final dos anos 50, essas formações viviam uma rotina de deslocamento por todo o estado, viajando em cima de caminhões sem condições de segurança e sem o minimo conforto para os músicos. Trafegavam sobre estradas de chão que somente a força de um comando militar para fazer cumprir tão arduas missões. Essa rotina só se modificou quando no inicio dos anos 60 foi criado a Banda da PMPI nas cidades de Picos, Floriano e Parnaiba.
Jazz Band da PMPI no Inicio dos Anos 40 comanda pelo Brigada Sebastião Simplicio.

O CONJUNO "OS MILIONÁRIOS"
No inicio dos anos 60 do sec. XX, a produção da música de entretenimento passava por mudanças radicais. As orquestras de salões ou jazz bands que estiveram em volga desde o inicio do século davam lugar as novas formações musicais advinda da revolução causada pela amplificação eletrica e sua utilização nos instrumentos musicais. Surgem então os modernos conjuntos musicais, uma formação bem mais leve que as grandes orquestra de música popular, composta apenas por uma seção de base-harmônica: guitarra, contrabaixo, orgão e bateria jazz e uma seção de metais.

Buscando adequar se aos novos tempos em 1963 a PMPI cria o conjunto "Os Milionários". A organização do novo conjunto ficou a cargo do maestro Luiz Santos que para isso contava com integral apoio do comandante da corporação o Coronel Torres de Melo. O nome do grupo "Os Milionários" é uma homenagem ao compositor José Bispo integrante da Banda PMPI e autor da música "o milionário" um dos sucesso do conjunto.
  • Os locais onde antes era animando pelo Jazz Band da PMPI como as tradicionais tertúlias do famoso Clube dos Diários de Teresina, passaram a contar também com a presença do Conjunto "Os Milionarios".
O conjunto "Os Milionários" se tornou muito popular e muitas vezes teve que tocar em outros estados como o Ceará e o Maranhão a convite do governo daqueles estados. O governo do Piauí, de tão grande entusiasmo, mandou trazer diretamente de Fortaleza a gravadora Orgacine, que, ao chegar em Teresina, instalou-se nos estúdios da Rádio Pioneira e gravou long play com "Os Milionarios".
A gravação do LP teve prensagem na RCA Victor de São Paulo. Dentre as canções que compunham o LP estavam: “Baião da Saudade” e “Simplício e seu Clarinete”, (de Luis Santos); “Milionário” (José Bispo); “Linda” (Bruno do Carmo) e “Olha a Bossa” (Simplício). Esse histórico LP foi gravado em 1965 e Os Milionários era composto por: Simplício Cunha (saxofone e clarinete), Edilson Setúbal (piano solovox), Artur Pedreira (bateria), Lourival Marques (baixo), Bruno do Carmo (guitarra), Gabriel Oliveira (percussão) e João de Deus (cantor). Segundo as informações do maestro Luis Santos, o conjunto atuou de 1963 a 1970.

Os Milionários da PMPI
  • A banda PMPI também teve outros conjuntos musicais mas todos foram disolvidos até o final dos anos 70.

17 comentários:

  1. Meu caríssimo maestro.
    Esta viagem visual que o amigo proporciona através dessas fotografias raras, mostra o zelo e a vontade de informar a todos a história de nossa música. Parabéns.
    Abraços do amigo Temístocles de Floriano

    ResponderExcluir
  2. Caro maestro,
    Minha avó Maria Stela de 89 anos, parnaibana adora cantar a música milionário. Gostaria de obter a letra na íntegra para fazermos uma homenagem a ela em seus 90 anos. Caso possa conseguir a letra para mim, ficaria muito grata.
    Abraço,
    Sabrina Portela

    ResponderExcluir
  3. Como posso conseguir uma cópia em mp3 deste disco ?

    Antecipo agradecimentos.

    Prof. Monte Filho

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. me mande um email para rsousamusic@ig.com.br professor, que lhe envio os mp3 do disco.

      Rocha Sousa

      Excluir
  4. Meu pai sempre canta essa musica "milionário", pensei que nunca encontraria alguém que a conhecesse. Se possível, poderia fornecer-me por email essa musica em mp3?
    Email: joabfgjr@hotmail.com

    Atenciosamente
    Joab F Gomes

    ResponderExcluir
  5. Depois de tanto tempo procuranda a musica milionário, eu ouvi uma vez cantando, um senhor chamado zé biron, e só. Me manda os mp3 desse conjunto, meu email: franzehr@gmail.com, ficarei muito grato e feliz.

    ResponderExcluir
  6. Caro maestro, é um prazer indizível encontrar alguém que me desse noticia dessa música tão rara. Não tinha nenhum conhecimento nem da música nem da banda, mas minha familia morou em Parnaiba e meu irmão, que já conta mais de setenta anos, ainda lembra da letra e canta. Se o Amigo pudesse dispor a música ou alguma coisa a mais da banda ser um grande favor. Meu e-mail: danielimarocha@hotmail.com

    ResponderExcluir
  7. Olá Tenente Rocha,
    descobri hoje esta página, poque consegui comprar um cd que teve como origem o LP o qual fez referencia, um cidadão no mercado do Mafuá.

    Coronel José PEREIRA de Oliveira
    Teresina PI

    ResponderExcluir
  8. Caro amigo Tenente Rocha,
    caso tenha os Nomes das musicas gostaria rece-las

    obrigado
    Cel Pereira

    ResponderExcluir
  9. Passei minha infância ouvindo minha avó contando Milionário,música linda que fica especialmente especial na sua voz. Hoje moro longe, os dias são corridos... Seria uma alegria muito grande poder ter escutar essa música no meio da correria e lembrar dos tempos de paz e dos tempos que tudo era mais fácil e mais leve. Espero ansioso. Email: narcisofilth@hotmail.com

    ResponderExcluir
  10. Passei minha infância ouvindo minha avó contando Milionário,música linda que fica especialmente especial na sua voz. Hoje moro longe, os dias são corridos... Seria uma alegria muito grande poder ter escutar essa música no meio da correria e lembrar dos tempos de paz e dos tempos que tudo era mais fácil e mais leve. Espero ansioso. Email: narcisofilth@hotmail.com

    ResponderExcluir
  11. Oi, sou neta do Tenente José Bispo e a muitos anos tento encontrar documentários sobre ele. Meu pai filho dele o mais velho Wagner faleceu a pouco tempo, 07 de abril. Como compositor e profissional sei muito pouco. Moro em São Luis-Ma, gostaria de mais informações. Sou Janaína Araujo. Meu E-mail: janamdearaujo@hotmail.com
    De já agradeço.

    ResponderExcluir
  12. Ola Janaina. Sou Paulo Tavares e moro em miguel Alves. Seu avô morou nesta cidade e atuou com mestre da Banda de Música Santa Cecícia. Não o conheci e conversei com muitos que o conheceram. Sei que ele tambem trabalhou em Matias Olimpio. Vamos trocar informações. Estou trabalhando num Dicionário Biografico de Miguel Alves, onde ele consta.
    Abraços. Paulo (paulotavaryz@gmail.com)

    ResponderExcluir
  13. Livro em PDF Banda de Música da Policia Militar do Piaui (Historia,Acervo e Memoria de 1875 a 1913) com muitas informações sobre essa briosa corporação musical.

    https://drive.google.com/open?id=0B71QsizqgwFdbU9FSEJqRG4yQUE

    ResponderExcluir
  14. Senhores e senhoras que acompanham esse nosso Blogger comunico a todos o novo e-mail para contato comigo é maestro457@gmail.com

    ResponderExcluir
  15. Sou Jonas Barroso, neto do 2Ten Jonas Barroso, PM, da banda da Polícia Militar.. Identifique ele na primeira fotografia com toda sua formação, seria o quinto membro da esquerda para a direta na segunda fila (fila do meio). Ouvia muitas conversas deitado no colo de meu avozinho.. que saudades.. Caso possa conseguir uma copia desta fotografia e possa ve outras que possa encontra-lo.. por favor, envie um whatsaap 86 99975-8201

    ResponderExcluir