domingo, 3 de abril de 2011

Clodo, Climério e Clésio: Os Irmãos Piauienses

  • Os versos de ´Revelação´, música dos irmãos piauienses Clôdo e Clésio, foram ao ar no Fantástico, em uma noite de 1978, como trilha de um clipe produzido para a canção interpretada pelo cearense Raimundo Fagner. A canção ficou entre as músicas mais tocadas nas emissoras de rádio de todo o país nos dois anos seguintes.
"Revelação" é apenas a música que os revelou como compositores e interprete para o grande público, no entanto, desde dos anos 60 que os irmãos já estavam na luta em busca de um espaço como artista.

Antes de "Revelação" em 1976 eles já haviam experimentado o sucesso nacional com a música “Enquanto engomo a calça” uma composição de Ednardo com Climério.

  • O primeiro disco de Clodo, Climério e Clésio veio em 1976, a convite do cantor cearense Ednardo com que mantinham parceria. Assim nasceu “São Piauí” o primeiro disco do trio.

  • O segundo disco,Chapada do Corisco, foi produzido por Fagner. Dominguinhos produziu o terceiro disco,Ferreira”. Os outros três discos foram gravados em Brasilia e lançados de forma independente.

Clodomir, Climério e Clésio Ferreira são irmãos e nasceram no Piauí. Radicados em Brasília desde 1960, são compositores fundamentais na MPB. Clodo é um dos responsáveis pelo sucesso popular de Raimundo Fagner. É dele a canção “Revelação” que colocou Fagner nas paradas de sucesso e o consagrou junto ao grande público.

Nara Leão compôs apenas uma música em sua vida , em parceria com Fagner e Fausto Nilo e essa música se chamou “Cli-Clé-Clô” em homenagens aos 3 irmãos compositores. A canção foi gravado por Nara em seu LP “Romance Popular” de 1981.
Clésio Ferreira faleceu em 07/07/2010 em Brasilia.

Depois da era do vinil, Clodo Ferreira e Climério continuaram em carreiras solo e gravaram alguns CDs. Clodo é o que mantém sua carreira artística mais ativa, realizando apresentações mais constantes em Brasília.

  • Os irmãos Ferreira levaram o Piauí para Brasilia. E eles ficaram conhecidos lá com essa temática. Que não era uma temática exclusivamente piauiense, era uma temática universal, porque eles também entraram nessa temática. Eles faziam versos, aparentemente, despretensiosos, mas. concisos, simples e profundos. Climério afirma que existe uma espécie de sotaque do Piauí nas músicas deles. Eles também tinham influências das músicas românticas e da música nordestina, como um todo.
  • Clodo, Climério e Clésio lançaram seis LPs, em vinil, por gravadoras e produções independentes. Tiro Certeiro é o primeiro CD destes compositores, que tem mais de 150 músicas gravadas por intérpretes como Nara leão, Fagner, Dominguinhos, Tim Maia e Os Cariocas, Simone, MPB-4, Elba Ramalho, Ednardo, Amelinha, Zizi Possi, Fafá de Belém, Marlui Miranda, Ângela Maria e outros.

4 comentários:

  1. Rocha, me chamo Eduardo. Parabéns pelo blog, muito bom. Também adoro música, especialmente o jazz, o blues e o rock. Gosto bastante do Chet Baker e adoraria aprender trompete. Não sei se este é o seu instrumento, se for vc dá aulas? Se não, poderia me indicar um professor? Como trabalho o dia todo, e tenho as obrigações normais de um pai de família, teria que ser algo um pouco mais light, pois o tempo é curto, mas a vontade é grande, e precisa ser alguem com disponibilidade a noite. Agradeço antecipadamente, pode me responder por email. Eduardo - neveseduardo@gmail.com

    ResponderExcluir
  2. Maestro Rocha,
    Parabéns pelas postagens sobre a musicalidade de Clodo, Climério e Clésio.
    Estou me deliciando com seus comentários tão objetivos, simples e certeiros como uma boa música, ou melhor ainda, como bons arranjos para boas músicas.Tenho orgulho de estar no Piauí e poder presenciar sua pesquisa tão necessária sobre nossa música.
    Com admiração,
    Vagner Ribeiro
    www.vagnerribeiro.com.br

    ResponderExcluir
  3. Na foto do grupo Candeia, esse aí sentado á direita, com a clarineta, é o Adalberto, grande figura, cadê você?
    Esssa turma faz parte dos meus bons tempos. Banda do àlvaro Ferreira.
    O Aurélio (Honra ao trombone)sempre se destacou, Adalberto, Zé Rodrigues, Maguim, Santana,Professor Pigorero, Professor Chico e Luiz Santos.
    E eu no tarol.....
    Ví e falei com Aurélio uns tempos atrás, e ele não me reconheceu. Tá desculpado, 30 quilos a mais ninguem aguenta.
    Um abraço,
    Nilton Lima

    ResponderExcluir
  4. Analisando as postagem do bloger tenho a impressão que embora as coisas em nosso passado recente fossem mais dificies, mas parece que eram mais consistente.

    ResponderExcluir