segunda-feira, 23 de maio de 2011

Simplicio Cunha: Um Mestre Multinstrumentista

  • Natural de Luzilândia - Pi, nascido em 1932, filho de Antônio Rodrigues da Cunha, aos 08 (oito) anos, já tocava cavaquinho nas festas com  seu pai que tocava harmônica de 08 (oito) baixos e tinha um conjunto formado só com os filhos. Aos 16 anos de idade, Simplício teve que se mudar para a cidade de Parnaíba-Pi, pois tinha que acompanhar seus pais que se mudava para aquela cidade.

Chegando em Parnaíba adquiriu seu primeiro instrumento de sopro, um clarinete. A parti de então iniciou sua aprendizagem de forma autodidata e em poucos dias já tocava várias músicas e assim continuou a tocar por 05(cinco) anos, depois deste periodo conseguiu também um saxofone e passou a estuda-lo, não demorou muito e logo em pouco tempo se tornou um dos melhores saxofonistas da cidade de Parnaíba passando a fazer parte dos melhores conjuntos musicais da cidade.

Com o sucesso musical veio também o reconhecimento por parte de muitos músicos e admiradores da música, que passaram a aconselhá-lo que ingressasse na Polícia Militar como músico. Só em 1958, ingressou como soldado nas fileiras da Polícia Militar do Piauí. Ali passou por varias graduações até atingir o posto de 1º Tenente-Regente sendo aposentado como Capitão. Na PMPI participou do conjunto “Os milionários” gravando um disco LP como solista de saxofone e clarinete e autor de quase todos os arranjos da gravação.


Foi também Presidente da Ordem dos Músicos do Brasil, Secção do Piauí por mais de 03 (três) anos consecutivos, chegando a realizar na sua gestão grandes trabalhos em prol da valorização do músico.

 Além de instrumentista Simplício de Morais Cunha é compositor e arranjador. São de sua autoria mais de 40 composições de diferentes gêneros que fazem parte do repertório de diversas bandas de músicas brasileiras dente estas as bandas do 25º BC, da PMPI, da Prefeitura Municipal de Teresina, do IFPI, dentre outras. 

Sempre na procura de  melhorar seus conhecimentos musicais, o Maestro Simplício viajou por várias capitais do nosso estado, como: Brasília, Fortaleza, São Luis, Rio de Janeiro onde participou do 2º Encontro Nacional de  Educação Artístico Musical realizado pelo Conservatório Brasileiro de  Música do Rio de Janeiro, oportunidade em que manteve contato com outros grandes maestros brasileiros do meio musical das bandas de música, como: Abel Ferreira, Joaquim Naegeles, dentre outros.

  • Como regente atuou nas bandas da PMPI, da Banda 16 de Agosto, Bandas Infanto-juvenis do bairro Pro morar, Lourival Parente e Banda Municipais de Interior do Estado como, Batalha e Barras. 
  • Fez parte como instrumentista do grupo de choro “Turma do Chorinho”,  dirigido por José Lopes dos Santos nos anos de 1977 e 1978.

Na  sua carreira musical, com mestre de bandas já fazem mais de  30 (trinta) anos que leciona para alunos das mais variadas faixas-etárias, desde crianças, jovens e adultos, onde na sua maioria todos se tornaram grandes profissionais da música.

Além de tocar quase todos os instrumentos musicais de sopro, Simplício também aprendeu a tocar violão e piano, o último é o preferido para compor e fazer arranjos, mas não escondem a sua preferência pelo saxofone, clarinete e a  flauta transversal.

Simplicio também é um dos poucos músicos que conseguiu gravar suas músicas. Em 2001,  gravou o Cd Dissonância de um sax I, em 2004 gravou o Cd Dissonância de um Sax II e recentemente gravou o seu terceiro Cd, um trabalho musical que demonstra ainda uma nova habilidade musical descoberta pelo maestro a pouco tempo, a poesia, aplicada nas letras das músicas cantadas, todas de sua autoria. Na intenção de compartilhar das suas composições em família, Simplício contou com a participação de seus filhos: Maria Lúcia, Waldir Lima e Tenente Lima.

E assim o Maestro Simplício continua com seus trabalhos criativos e variados como podemos observar a variedade de gêneros nas composições da relação abaixo:

ABAIXO ALGUMAS DAS COMPOSIÇÕES DE
SIMPLÍCIO DE MORAIS CUNHA

  • Dobrado 21 de Abril - Banda de música
  • Dobrado 13 de Março - Banda de música
  • Dobrado 15 de Agosto - Banda de Música
  • Dobrado Dever do Aluno - Banda de Música
  • Canção da PMPI - Banda de Música
  • Fantasia Sinfônica - Banda Sinfônica
  • Estudo Sinfônico - Banda Sinfônica
  • Mambo do Piauí - Jazz Band
  • Relembrando um Clariente - Jazz Band
  • Frevo Mincharia - Orquestra de Frevo
  • Dissonância de um Sax - Chorinho

Um comentário:

  1. Fiquei extremamente comovido em ouvir e conhecer o compositor Simplício Cunha. Sua obra sincera, mostra a face de um Brasil saudoso, lindo e cheio de vida. É compositor de de banda com o "C" maiúsculo. Bravo grande Simplício!!!!

    ResponderExcluir